Saiba como acreditação contribui com serviços de saúde

Artigo Como acreditação pode ajudar

Por Ronaldo José Damaceno, são Paulo, 25/11/2022

A princípio Acreditação em saúde no Brasil ganhou força a partir de 1998. Atualmente conta com mais de 600 Estabelecimentos de Serviços de Saúde acreditados, contemplando selos nacionais e internacionais. Isso representa, apenas 6,5% de todos os serviços de saúde do país. Definitivamente, é um número considerado baixo, pelas pretensões de incluir o país, juntos a outros, considerado de primeiro mundo. De fato, esse número demonstra a fragilidade existente no mercado, onde os maiores, adquirem os médios e pequenos, dominando cada vez mais o mercado de saúde. Afirmo isso porque, as empresas que mais crescem ou que possuem os melhores desempenho, sejam financeiros ou técnicos, são exatamente aquelas acreditadas. Revelando a importância de se aderir um processo de acreditação.

No passado recente, as organizações viam essa iniciativa como diferencial, porém com base nas novas legislações estabelecidas, considerando o atual cenário do pais, atualmente Acreditação é uma necessidade. Digo isso com toda certeza, pois ela traz a visão estratégica do negócio, ao exigir o planejamento estratégico, assim como a gestão por processos e suas interações, exigindo foco semelhante ao trabalho de equipe pela gestão do conhecimento. Sobretudo, exigem uma visão estratégica preventiva quanto a segurança, riscos e com foco no processo de educação continuada, permanente em pró da melhoria contínua.

Em meio a essa crise que se instalou no país, seja por fatores externos, como a pandemia ou a guerra, ou ainda, pela desaceleração econômica do mundo, ou por fatores internos, prioridades políticas equivocadas ou pela divisão existente de opiniões sobre o comando ou futuro do país. Inegavelmente fortalece a necessidade de uma empresa, trabalhar com uma gestão voltada para obter desempenho melhor.

Ainda cabe dizer, que o processo de Acreditação, vem sendo testado ao extremo e os resultados das organizações acreditadas, comprovam o quanto essa metodologia, se tornou essencial e recomendada, sendo comprovadamente uma parceira, na redução de despesas desnecessárias, como retrabalho para corrigir eventuais falhas, sejam elas por desencontros de informações e da insatisfação dos clientes. Além de garantir o funcionamento adequado dos equipamentos, instrumentos, por conta de uma programação em manutenção preventiva, garantindo que a estrutura esteja em sintonia com a produção, evitando paralizações e autuações por órgãos sanitários.

Com toda a certeza, existe um custo inicial de implantação, uma vez que são necessários ajustes físicos do estabelecimento, investimentos com educação e treinamento para capacitação e engajamento da equipe, além de investimentos em manutenção seguidas de calibrações, validação do parque tecnológico. Sendo ainda, necessário o desenvolvimento de documentos e protocolos, para garantir a segurança dos processos e da instituição. Mas tudo isso se faz necessário, uma vez que a cultura gerencial brasileira é imediatista e socorrista, exigindo assim, uma mudança de postura e cultural.

Outro fato relevante pós acreditação, é que se reduz consideravelmente processos jurídicos por danos morais e prejuízos financeiros, bem como ações por danos à imagem da organização e de seus colaboradores. É nítido que os serviços acreditados estão melhores e mais seguros, com resultados financeiros em franco crescimento, por gozarem de um aumento considerável de credibilidade junto a classe médica, aos planos de saúde, principal fonte pagadora do país e dos seus usuários.

Os planos de saúde se sentem mais seguros com as empresas acreditadas, reduzem a sua sinistralidade, isso tanto é fato, que aderiram a acreditação. Exigindo cada vez mais, indicadores de performance e desempenho dos seus prestadores, objetivando a redução de custos com o retrabalho, tempo menor de espera para os atendimentos e a redução o tempo médio de internação, com a utilização mais adequada nos pedidos de exames complementares.

É nesse sentido que defendo a Acreditação como essencial para os estabelecimentos de saúde. As melhorias que ocorrem pós acreditação são significativas, onde toda a cadeia de suprimentos ganham: empresa, médico solicitante, paciente, plano de saúde, governo e sociedade como um todo.

Porém como investir em Acreditação em meio a essa crise? Esta é a pergunta que mais ouço.

A resposta é bem simples, se você insistir em fazer as mesmas coisas de antes, será impossível de melhorar o seu negócio. Inegavelmente é preciso corrigir seus processos, estabelecendo protocolos, prevendo seus perigos e riscos. A crise, sem dúvidas será mais difícil para organizações despreparadas e sem a visão holística voltada para satisfazer clientes e o mercado. Com toda certeza, teremos muitas dificuldades pela frente, porém ao final da crise, teremos empresas vencedoras e melhores, versos aquelas que pararam pelo caminho ou foram engolidas pelo mercado.

É a hora da verdade para os Estabelecimentos de Serviços de Saúde. É preciso parar de assistir ao filme e ficar na torcida pela sorte. É preciso arregaçar as mangas, ir à luta e reconstruir a história. O mercado morre para quem deixa de ser competitivo, para aquelas empresas que não se renovam, não planejam e principalmente, que não investem em conhecimentos, para reformular seus processos, na busca incessante de satisfazer seus clientes, que com certeza, retribui com seu dinheiro nos serviços e produtos adquiridos.

A corrida está longe do fim, ainda existe tempo e espaço para encarar uma reformulação de gestão para um processo seguro de Acreditação. Como disse logo no início, apenas 6,5% encararam esse processo, sendo elas, as empresas que mais cresceram até aqui.

Entendo que as empresas de Serviços na Saúde, encontraram um aliado forte para combater a crise e esse aliado é a Acreditação e se você resolver optar por esse caminho, espero que conte com Acreditare Gestores para obter resultados superiores. Contar com apoio de uma consultoria, ajuda a tomada de decisão e acelera o processo de acreditação, uma vez que a experiência acumulada nos processos anteriores, com diversas Instituições Acreditadoras de Certificação – IAC, facilita na adequação dos processos e consequentemente no processo de educação e melhoria contínua.

Acreditação tem se mostrado um barco seguro, capaz de apoiar altas tempestades, mas ainda depende de comandantes com visões de futuro, ousados e obstinados em conseguir novos resultados. Nunca o momento foi tão propício para quem acredita que é possível fazer a diferença e a Gestão da Qualidade é a escolha adequada para mudar a nossa história.

Acreditare Gestores, oferece consultoria, mentoria e treinamento sobre Acreditação na saúde

Leia mais

#acreditacaoemsaude #ona #palc #padi #cqh #iso9001 #dicq #pnq #gestaodaqualidade #sistemadegestaodaqualidade #hospitais #clinicas #sadt #laboratorios #imagem

Siga e compartilhe nas redes:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress